Diamonds in the Mine

Diamantes na mina

The woman in blue, she's asking for revenge,
man in white -- that's you -- says he has no friends.
The river is swollen up with rusty cans
and the trees are burning
in your promised land.
And there are no letters in the mailbox,
and there are no grapes upon the vine,
and there are no chocolates in the boxes anymore,
and there are no diamonds in the mine.

Well, you tell me that your
lover has a broken limb,
you say you're kind of restless
now and it's on account of him.
Well, I saw the man in question,
it was just the other night,
he was eating up a lady where
the lions and Christians fight.

And there are no letters in the mailbox
and there are no grapes upon the vine,
and there are no chocolates in the boxes anymore,
and there are no diamonds in the mine.

(You tell them now)

Ah, there is no comfort in
the covens of the witch,
some very clever doctor
went and sterilized the bitch,
and the only man of energy,
yes the revolution's pride,
he trained a hundred women
just to kill an unborn child.

And there are no letters in the mailbox,
oh no, there are no, no grapes upon your vine,
and there are, there are no chocolates
in your boxes anymore,
and there are no diamonds in your mine,
and there are no letters in the mailbox,
and there are no grapes upon the vine,
and there are no chocolates in your boxes anymore,
and there are no diamonds in your mine.

A mulher de azul, ela está jurando desforra,
o homem de branco – que é você – diz não ter amigos.
O rio foi engolido por latas enferrujadas
e as árvores estão ardendo em chamas
na tua terra prometida.
E não há cartas na caixa do correio,
não há uvas na parreira,
não há mais chocolates nas caixas,
e não há diamantes na mina.

Bem, você me diz que seu
amante tinha um membro despedaçado,
você diz estar sem sossego
e que isso é culpa dele.
Bem, eu vi o homem em questão,
foi na noite passada.
Ele devorava uma moça onde
os leões e cristãos lutavam.

E não há cartas na caixa do correio,
não há uvas na parreira,
não há mais chocolates nas caixas,
e não há diamantes na mina.

(Agora você diz a eles)

Ah, não há conforto nas
convenções das bruxas,
algum doutor muito esperto
foi e esterilizou a puta,
e o único homem de energia,
sim, o orgulho da revolução,
ele treinou mil mulheres para
matar as crianças vindouras.

E não há cartas na caixa do correio,
ó, não, não há, não há uvas na parreira,
não há, não há mais chocolates
nas suas caixas,
não há diamantes na mina.
E não há cartas na caixa do correio,
e não há uvas na parreira,
e não há mais chocolates nas caixas,
e não há diamantes na mina.