Iodine

Iodo

I needed you, I knew I was in danger
of losing what I used to think was mine
You let me love you till I was a failure,
You let me love you till I was a failure --
Your beauty on my bruise like iodine

I asked you if a man could be forgiven
And though I failed at love, was this a crime?
You said, Don't worry, don't worry, darling
You said, Don't worry, don't you worry, darling
There are many ways a man can serve his time

You covered up that place I could not master
It wasn't dark enough to shut my eyes
So I was with you, O sweet compassion
Yes I was with you, O sweet compassion
Compassion with the sting of iodine

Your saintly kisses reeked of iodine
Your fragrance with a fume of iodine
And pity in the room like iodine

Your sister fingers burned like iodine
And all my wanton lust was iodine
My masquerade of trust was iodine
And everywhere the flare of iodine

Precisava de ti, sabia que corria o risco
de perder aquilo que costumava ser meu.
Você deixou eu te amar até que eu falhasse,
Você deixou eu te amar até que eu falhasse --
Sua beleza era o iodo na minha ferida.

Perguntei a ti se um homem poderia ser perdoado.
E apesar de ter falhado no amor, isso seria um crime?
Você disse: “Não se preocupe, não se preocupe, querido”.
Você disse: “Não se preocupe, não se preocupe, querido”.
Há muitas maneiras de um homem servir ao seu tempo.

Você tomou conta do lugar que não pude controlar,
não estava escuro demais para fechar os olhos.
Então estive com você, doce amor.
Então estive com você, doce amor.
Amor com uma pitada de iodo.

Seus beijos santos recendiam a iodo.
Seu perfume com a fragrância de iodo.
Sua pena cobria o ambiente com iodo.

Seus dedos noviços queimavam como iodo.
Sua lassidão promíscua era iodo.
Minha falsa crença era iodo.
E em todo canto a chama de iodo.